A U-M vai oferecer aulas presenciais neste outono, orientadas por especialistas em saúde pública

junho 22, 2020
Contact: Fernanda Pires fpires@umich.edu

A Universidade de Michigan vai dar início ao seu ano novo letivo, o semestre de outono, no dia 31 de agosto, com uma mistura de aulas presenciais e remotas, um calendário acadêmico ajustado, com atenção especial ao uso de máscaras faciais, distanciamento social e outras medidas de saúde pública. Os detalhes do novo semestre estão sendo guiados por especialistas em saúde pública em parceria com orientações da comunidade da U-M.

O presidente Mark Schlissel fez o anúncio hoje em uma mensagem de vídeo e e-mail para a comunidade do campus. Os chanceleres da UM-Dearborn e da UM-Flint também anunciaram planos específicos para seus campi.

“Tenho o prazer de anunciar que a Universidade de Michigan planeja oferecer um semestre com aulas no campus, baseados em saúde pública neste outono,” disse Schlissel em sua mensagem. Ele explicou que o plano reflete o “compromisso da universidade em promover a saúde pública, enquanto cumpre nossa missão fundamental de uma graduação transformadora, pós-graduação e educação profissional”.

Enquanto isso, todos os funcionários e professores que podem vão seguir trabalhando de casa, à medida que a universidade continua—gradualmente e cuidadosamente—a retomar as atividades no campus.

O presidente disse que os “esforços deliberados de centenas de membros da comunidade da U-M” criaram um plano a ser seguido para a universidade, que continua a lidar com o impacto da pandemia do COVID-19.

“Agora temos a oportunidade de começar uma nova jornada juntos, equipados com as melhores orientações e idéias dos nossos principais estudiosos, alunos inovadores e de uma equipe de especialistas,” disse Schlissel.

O outono no campus de Ann Arbor terá uma sensação diferente este ano. “Mas a pandemia não mudará nosso compromisso com os membros da nossa comunidade,” afirmou o presidente.

A universidade lançou um site “Maize and Blueprint” com mais informações sobre a intensificação das atividades do campus neste outono. A página será atualizada regularmente à medida que mais detalhes forem finalizados. Entre as mudanças para o semestre do outono estão:

  • Um calendário acadêmico ajustado, com as aulas do semestre de outono no campus terminando no feriado de Ação de Graças (fim de novembro), para minimizar as viagens dos estudantes para casa e de volta ao campus. O semestre de inverno começará no final de janeiro. Os intervalos, tanto do outono quanto do inverno, serão eliminados.
  • Uma combinação de aulas presenciais, remotas e híbridas. Em geral, turmas pequenas continuarão a se reunir pessoalmente, mas aulas maiores serão ministradas remotamente. Os formatos das turmas serão determinados pelas escolas, faculdades e unidades acadêmicas individuais.
  • Embora nem todos os cursos estejam disponíveis em todos os formatos, a maioria dos estudantes poderá optar por retornar a Ann Arbor para uma experiência de aprendizado híbrida ou estudar em casa em um modo totalmente remoto.
  • Os prédios residenciais e as instalações para refeições serão abertos e o Michigan Housing reservará algumas unidades para serem usadas como quarentena, caso seja necessário. A densidade nos refeitórios será reduzida e mais refeições prontas para entrega serão oferecidas.
  • A universidade comprará mais desinfetantes para as mãos, máscaras e outras formas de equipamento de proteção individual para manter a comunidade universitária segura.
  • A universidade enfatizará a importância da vacina da gripe a todos os estudantes, professores e funcionários, vai orientar a permanência em casa em casos de doença e monitorar de perto quaisquer sintomas do COVID-19 ou de outras doenças.
  • A U-M está finalizando planos e protocolos para testes de estudantes, professores e funcionários por infecção pelo vírus que causa o COVID-19. A universidade também está aumentando a capacidade para rastreamento adicional para aqueles que estão infectados.
  • Professores e funcionários poderão realizar suas próprias avaliações de saúde acessando o site da universidade através de seus telefones. Essa nova ferramenta, disponibilizada esta semana, tornará o retorno ao trabalho no campus mais suave e seguro para quando os funcionários precisarem ir ao campus.

Schlissel, ele próprio médico-cientista, disse que o plano da U-M para um semestre presencial depende de todos os membros da comunidade seguindo as estratégias básicas de saúde pública. Isso inclui distanciamento social, minimização de viagens para fora da área, uso de coberturas faciais, lavagem das mãos com frequência, rastreamento de sintomas e quarentena, quando necessário. A universidade continuará ou fortalecerá ações como testes clínicos, rastreamento de contatos, limpeza e monitoramento em tempo real da propagação do vírus.

“Protegeremos nossos alunos, professores e funcionários com uma ampla variedade de medidas e ferramentas de saúde pública baseadas em pesquisa. Faremos pleno uso de nossa excelência de longa data no ensino e na aprendizagem, pessoalmente e on-line, e usaremos nosso espírito inovador para oferecer uma experiência educacional de classe mundial em Michigan nesses tempos mais incomuns. E pediremos a todos que participem das ações de saúde e segurança com prudência e que incorporem nosso compromisso de cuidar um do outro,” ele disse.

Instrução

Os alunos do campus de Ann Arbor poderão escolher entre um conjunto completo de cursos. Esses cursos serão oferecidos em formatos que incluem instruções presenciais, remotas e mistas, dependendo das necessidades curriculares. Alguns alunos escolherão ou precisarão fazer todas as aulas remotamente, e as 19 escolas e faculdades da U-M fornecerão um conjunto robusto de aulas totalmente remotas que permitirão que a maioria dos estudantes faça essa escolha.

Decisões sobre quais cursos e seções oferecer em quais formatos serão feitos pelas escolas, faculdades e departamentos para atender às suas necessidades educacionais exclusivas. No geral, as turmas grandes serão conduzidas remotamente, as turmas pequenas serão presenciais e as turmas de médio porte serão um híbrido dos dois.

“Sabemos que muitos professores, funcionários e estudantes têm preocupações em retornar ao ensino e trabalhos presenciais. Continuamos a desenvolver planos para proteger membros vulneráveis ​​de nossa comunidade—e incentivaremos estudantes e funcionários com níveis altos de risco a ensinar, aprender e apoiar remotamente nossa missão. Escolas, faculdades e unidades trabalharão com indivíduos na medida do possível para atender às suas preocupações. Sabemos que a pandemia tem impactos diferenciados em nossas comunidades,” afirmou Schlissel.

Calendário acadêmico

Para o campus de Ann Arbor, as aulas começarão em 31 de agosto, conforme programado anteriormente, mas as férias de outono serão eliminadas. O último dia de aulas presenciais do semestre será 20 de novembro. Após um período de nove dias do Feriado de Ação de Graças, as aulas serão retomadas remotamente em 30 de novembro e continuarão até 8 de dezembro, com os exames finais entre 10 e 18 de dezembro. As escolas e faculdades profissionais podem ter calendários diferentes com base nos requisitos de seus programas.

Não haverá uma cerimônia de formatura no início de dezembro e esses formandos serão convidados a participar das cerimônias da primavera como normalmente são.

Para o período de inverno, as aulas começarão no dia 19 de janeiro de 2021, imediatamente após o tradicional Simpósio Rev. Martin Luther King, Jr., da UM, em 18 de janeiro. O início posterior dará tempo para a implementação de quaisquer protocolos de saúde pública necessários antes dos alunos retornarem ao campus. As férias de inverno também serão eliminadas e os exames finais serão realizados entre 22 e 29 de abril.

Esses novos calendários foram projetados para reduzir a quantidade de viagens, de ida e volta, para nossos alunos. Muitas instituições parceiras adotaram medidas semelhantes em seus calendários.

Experiência no campus

A Divisão da Vida Estudantil (Student Life) já está trabalhando com centenas dos nossos alunos na preparação para o semestre de outono. Acomodações e restaurantes estarão abertos para o outono no campus em Ann Arbor, e a universidade está tomando várias medidas para oferecer uma experiência no campus baseada em saúde pública para os estudantes que também moram fora do campus.

A maioria dos estudantes vive em ambientes comunitários, seja em repúblicas ou em casas e apartamentos fora do campus. Conceitualmente, essas configurações se assemelham a “unidades familiares” – e se espera que todos os alunos sigam as diretrizes de saúde pública da mesma forma que seguiriam quando estavam em suas residências permanentes. Os funcionários da universidade estão trabalhando com os alunos para definir um compromisso compartilhado que vai promover a importância em agir para proteger e cuidar uns dos outros e de todos os membros da comunidade.

Muitos dos programas educacionais, atividades de construção da comunidade e experiências de aprendizagem estão sendo adaptados para atender aos alunos durante este período desafiador. Por exemplo, os estudantes estão podendo participar de iniciativas que se concentram no envolvimento da comunidade e nas habilidades profissionais neste verão, pois muitos estágios e oportunidades foram cancelados. Os especialistas em saúde pública do campus também estão aconselhando os líderes das universidades sobre como eles podem oferecer oportunidades esportivas recreativas para os alunos.

Os alunos também vão ver mudanças adicionais em sua experiência no campus, como requisitos de distanciamento físico em bibliotecas e outros espaços e edifícios comuns, acesso limitado a determinadas áreas, limpeza adicional, refeições em pronta entrega e cronogramas escalonados para atividades, como mudanças e refeições. Um grupo de especialistas está examinando possíveis alterações de segurança no sistema de ônibus do campus.

Os estudantes que planejam morar nas residências da U-M em Ann Arbor receberão dados mais específicas do Michigan Housing e informações mais detalhadas sobre os planos para o outono serão compartilhadas nas próximas semanas.

 

Leia mais aqui: CampusBlueprint.umich.edu